sexta-feira, 23 de setembro de 2016

[Mais uma vez com sentimento] 10 Episódios para não esquecer: Parte 2




Amigos Caçadores, depois de ficarmos a par dos episódios inesquecíveis de Btvs, agora chegou a vez de ANGEL. 

Vamos relembrar os emocionantes e alguns decisivos momentos da trajetória de uma das séries mais aclamadas da Tv, e que nos orgulhamos fazer parte do Buffyverse:


Primeira Temporada Episódio 01


Depois de se despedir de Buffy em Sunnydale, Angel parte para a cidade de Los Angeles e logo descobre que os problemas migraram também. Contudo, sua opção de se distanciar da humanidade poderia se tornar um problema maior para todos os necessitados. A interferência de um novo aliado dos Poderes que Valem e a presença de um rosto amigo o fazem de mudar de ideia.


O início da saga serial de Angel é um dos episódios mais perfeitos de todo o Buffyverse. O roteiro certamente foi um dos responsáveis pela bela porta de entrada dos fãs. A apresentação segura de uma proposta diferente de Btvs atraiu ainda mais fãs.


Primeira Temporada Episódio 09


No passado, Doyle lutou contra o seu Dom e agora a verdade sobre ele tem que ser revelada para Cordelia no tempo em que ele e Angel lutam para salvar Demônios de um grupo que quer exterminá-los. É hora de decisões importantes e sacrifícios de redenção.


O que é ser um herói? Enquanto Cordelia tenta explicar através de uma propaganda televisiva, Doyle mostra na prática. O episódio marca um contexto histórico brilhante acerca do Holocausto da Segunda Guerra Mundial e toda a intolerância nela constituída. O último vislumbre do ator Glenn Quinn que se despediu da série, foi um dos momentos mais memoráveis.


Primeira Temporada Episódio 18


Depois de aprontar todas em Sunnydale, Faith chega a Los Angeles para provocar Angel. Logo, a Caçadora é visada pela Wolfram & Hart, mas seus planos em relação a este encontro são bem diferentes. O Conselho também quer detê-la, mas Wesley agora parece não agir de acordo com a cartilha deles.


Este é um dos episódios mais adorados não só pelos fãs de ANGEL, como também pelos fãs de Buffy, afinal, é um crossover com a série mãe. Todos os personagens brilham incessantemente num paralelo entre Angel desalmado e Faith, que parece não ter alma. O destino inacabado da Caçadora tem um desfecho que surpreende a todos numa trama ágil, habilidosa e empolgante. 


Segunda Temporada Episódio 07


Darla continua jogando com Angel, e uma série de flashbacks mostra a vida de uma mulher de nome desconhecido antes de ser vampirizada e o depois, em sua relação com Angelus tendo de escolher entre a luxúria com o parceiro ou a lealdade ao Mestre. Nos dias atuais, viva, sua alma recém restaurada pesa sobre ela chegando a uma decisão importante que envolve Angel.


Uma das melhores personagens da primeira temporada de Buffy, foi ressuscitada com sucesso em ANGEL e para começar sua inesquecível história só mesmo um episódio marcante mostrando os dois lados da moeda de alcunha Darla (nome dado pelo Mestre). O passado e o presente se misturando entre personagens e cenários. 


Segunda Temporada Episódio 10


Os planos de Drusilla e da Wolfram & Hart para trazer a vampira Darla de volta são demais para Angel. O Vingador da Noite acaba recebendo a ajuda inesperada de Kate, que quer que ele as detenha, mas Angel tem outros planos, que não envolve heroísmo e sim vingança. Neste processo, ele rompe laços com Cordelia, Wesley e Gunn.


Um grande ápice da temporada, trouxe nossos amados personagens e vilãs em diálogos brilhantes. Darla e Drusilla tendo a oportunidade de brilharem perversamente como nunca. E o Herói, Angel, exalando sua faceta mais sombria fez parte com propriedade de toda a boa trajetória do personagem, que culminou com duas cenas de tirar o fôlego dos fãs. 


Terceira Temporada Episódio 09


Chega o grande momento da vingança de Holtz e a alma do filho de Darla grávida começa a mudar os sentimentos da cruel vampira. Agora, ele se mostra uma mulher frágil, com medo de perder todo aquele bom sentimento. Assim toda a turma passa a protege-la até o decisivo momento do nascimento. 


Do drama ao humor, o episódio segue um curso inacreditável e bem agradável. Mais uma vez ao autores acertam em cheio com diálogos perfeitos edificando emoções de velhos e novos personagens. O paralelo entre a tragédia passada de Holtz e o drama de Darla e Angel no presente, é contado com extrema primazia. 


Terceira Temporada Episódio 11


As visões estão afetando cada vez mais fisicamente Cordelia e para escapar do terrível destino da Morte, ela é submetida a um teste por um Guia que seria enviado pelo Poderes. Neste teste, ela descobre o que teria acontecido com ela se não tivesse se encontrado com Angel na primeira noite em Los Angeles.


Outro episódio onde o roteiro é primordial. Eu particularmente adoro tramas que contextualizam com “E se....”, ou seja, histórias alternativas. Além disso, para quem é fã de Cordelia, este é o episódio definitivo onde a patricinha fútil dá lugar a heroína que conhecemos.


Quarta Temporada Episódio 15


A alma de Angel desapareceu misteriosamente do Cofre. Neste tempo, Cordelia continua manipulando Connor enquanto a turma tenta um meio para trazer Angel de volta. A ideia de Fred foi contatar Willow, a bruxa que restaurou a alma do vampiro anteriormente. Já Faith em coma por conta da droga Orpheus, ajuda Angel a derrotar Angelus, criando um importante elo entre eles. 


Só o fato de poder contar com as presenças de duas importantes personagens do Buffyverse, já poderia colocar este episódio na Lista de memoráveis. Mas só isso não basta. Soma-se a um confronto de tirar o fôlego verbal e fisicamente, e uma história interessante onde todos tem sua importância enredada por um grande desfecho que provocou uma reviravolta dentro da temporada.


Quinta Temporada Episódio 12


Cordelia acorda do coma ao mesmo tempo que Angel recebe a visita nada amistosa de um velho inimigo, que promete derrota-lo antes da Wolfram & Hart. As dúvidas de Angel enredado nos corredores da Firma são sanadas depois de um beijo de Cordelia, que cumpre sua última missão com os Poderes que Valem.


Para muitos, o Centésimo episódio da série só trouxe dor e tristeza. Mas analisando friamente foi mais uma das brilhantes tramas permeadas no Buffyverse. A despedida de uma querida personagem não poderia ser mais heroica, deixando sua marca como uma das maiores desse universo. A homenagem a Doyle só não deu mais nó na garganta que a última cena. Momentos de decisões discutíveis, mas de uma realização indiscutível.   


Quinta Temporada Episódio 15


A curiosidade de Fred a leva a um momento decisivo de sua existência. Com a chegada de um misterioso Sarcófago na Wolfram & Hart, a bela é infectada com uma espécie de Vírus que data do mundo antigo. Agora Angel e a turma tem de correr contra o tempo para impedir que uma nova ameaça surja do buraco do mundo. 


Tendo Fred como ponto central da trama, somos sugados aos momentos iniciais que antecederam a vinda da moça a Los Angeles e no fim, as questões que a levaram em perfeitos diálogos. A bela letra da música de Kim Richey traduz todos os estágios do processo de transformação da trama. Da esperança a aceitação. Sensacional! 

sábado, 17 de setembro de 2016

[Mais uma vez com sentimento] 10 Episódios para não esquecer: Parte 1






Amigos Caçadores, já falamos por aqui dos episódios de Btvs e ANGEL que todo fã gostaria de esquecer. 

Agora chegou a hora de apontar os grandes episódios do Buffyverse, aqueles que todo fã quer se lembrar pra sempre. E para começar, os melhores e mais inesquecíveis episódios de Buffy:


Primeira Temporada Episódio 07


Buffy está cada vez mais balançada pelo aliado misterioso e seus sentimentos em relação a ele chegam a um momento decisivo onde revelações sobre o rapaz podem mudar as perspectivas dessa relação. Giles e seus amigos são afetados de uma maneira diferente, e no fim, são surpreendidos. 


Se a primeira temporada foi a mais criticada pelos aspectos técnicos, o mesmo não se pode dizer pelos aspectos de construção. O mistério em torno de Angel é revelado com o clima misto de romance e suspense tornando a Mitologia em torno do personagem memorável. 


Segunda Temporada Episódio 14


A relação de Buffy e Angel alcança um outro nível e como consequência, o vampiro perde sua alma. Agora ele é uma ameaça que Buffy tem que deter, e ainda mais perigosa, pois sabe as fraquezas da Caçadora. Enquanto a turma lida com uma outra ameaça que pode extinguir a humanidade. 


Em todo seriado existe o que chamamos de "ritual de passagem" para os protagonistas e este foi o de Btvs. Aqui a Caçadora deixa pra trás sua inocência como guerreira e mulher, entregando-se a uma batalha que muitas de nós nos identificamos na época. Além de salvar o mundo, Buffy tinha de salvar a si mesma, recuperando a autoconfiança depois de ter sido destruída por quem mais amava. 


Segunda Temporada Episódio 21


Willow encontra o Feitiço de restauração para a alma de Angel traduzido por Jenny. Então, ela, Buffy e a turma resolvem elaborar um plano para a missão. Eles só não contavam com a astúcia do Vilão, que agora quer destruir o mundo. Para isso, ele terá de contar com a colaboração involuntária de Giles enquanto Buffy ganhará um aliado inesperado. 


Muitos só se lembram dos grandes momentos da segunda parte, a season finale. Mas se este início não tivesse sido tão brilhante, o desfecho seria minado de forma menos grandiosa. Os flashbacks da vida do jovem Liam e da excêntrica Drusilla foram uma primazia aos olhos dos fãs, bem como o vislumbre do momento do chamado de Buffy. Tudo isso entre cenas, diálogos e prólogos inesquecíveis. 


Terceira Temporada Episódio 18


Buffy é infectada com o sangue de um Demônio telepata, podendo assim ouvir todos os pensamentos a seu redor. Neste processo, ela descobre que um atirador ameaça o Sunnydale High mobilizando toda a turma a fim de encontra-lo. Já Angel precisa encontrar o Demônio para o antídoto de uma condição que pode matar Buffy. 


Era quase o fim da Era Colegial e seguindo esta premissa, os roteiristas nos brindaram com um episódio inesquecível em que o pano de fundo foi uma das metáforas mais bem elaboradas de sofrimento dos estudantes dentro de um Colégio. Temática bem apropriada para a época em que os Colégios americanos viviam sendo alvo de atiradores. Contexto rico e atual.  


Quarta Temporada Episódio 10


Quando os habitantes de Sunnydale perdem a fala, cabe a Buffy e a turma investigar o que pode ter ocorrido ao mesmo tempo em que um grupo de Demônios resolve invadir a cidade. Neste tempo, Willow ganha uma nova amiga do grupo de Bruxas da Faculdade e os segredos guardados por Buffy e Riley vem à tona. 


Uma perfeita alusão ao cinema mudo, possui poucos diálogos basicamente calcado em expressões e momentos que devem ser apreciados como terror ou drama. Fantástica, a trilha sonora dita toda a atmosfera de suspense neste episódio tão aclamado que recebeu até uma indicação ao Emmy!


Quarta Temporada Episódio 21


Depois de descobrir as armações de Spike, Buffy e a turma se unem novamente para lidar com Adão e seus planos. Para isso, eles invocam um Poderoso Feitiço que dá a Buffy poderes que nem imaginava que pudesse ter. 


Depois de uma temporada de mudanças tanto para os fãs quanto para a turma, tudo é condensado de forma empolgante neste episódio que manteve a essência sobrenatural do seriado sem deixar de lado a Poderosa essência humana. Elementos que fazem de Buffy uma Caçadora única, mostrada ao logo de toda a temporada. O contato de Buffy com a origem dos Poderes místicos da Caça-Vampiros foi perfeito e seria explorado com mais propriedade nas temporadas posteriores. 


Quinta Temporada Episódio 16


Uma inesperada notícia abala o mundo de Buffy em casa. Agora ela contará com a força de Giles e dos amigos para lidar com a perda de um importante elo entre suas vidas. 


Com um formato diferente de séries de mesma temática, impressionou até mesmo os críticos especializados que colocaram Sarah Michelle Gellar na Lista de grandes atuações da Tv naquele ano. Nenhuma série conseguiu captar tão bem o sentimento de perda. As emoções naturais captadas de cada personagem e a falta de uma trilha sonora ditou o ritmo do episódio, tornando sua realização um clássico.


Sexta Temporada Episódio 07


Quando Xander evoca involuntariamente um Demônio na Loja de Magia, toda a cidade fica entorpecida pela música, saltando para fora os sentimentos ocultos de cada um. 


Expressões em forma de música foi mais uma ideia genial do autor, que fez desse clássico entre os fãs o ponto chave da temporada. Além de Buffy, outros personagens brilharam intensamente diante de todo o fechamento de suas dúvidas e inquietações mostradas até este momento. Simplesmente brilhante! 


Sexta Temporada Episódio 17


Ainda tentando se acostumar a nova vida, Buffy é infectada por uma poderosa toxina demoníaca que a faz transitar entre o mundo de Sunnydale e o mundo que para ela, seria o mais real, mesmo que fosse uma moça com problemas mentais. 


O episódio mais perfeito de acordo com a trajetória de Buffy, a garota que só queria ser normal de novo antes de ser a heroína que conhecemos. O peso das responsabilidades, uma irmã mística e problemática, amigos superpoderosos e Monstros da Boca do Inferno quase ficaram para trás na vida da Caçadora, que teve de ser mais heroica possível pra recuperar sua sanidade nesta trama de roteiro impecável. 


Sétima Temporada Episódio 22


Enfim, chegamos a batalha final entre A Caçadora, seus amigos e o Primeiro Mal. Tendo o Sunnydale High como cenário principal, Buffy liderou seu Exército contra as Forças do Mal e a intervenção providencial de Willow fez a vitória final. 


Depois de sete temporadas, somos levados a um desfecho grandioso do seriado. Além das batalhas, cenas marcantes mostraram o enlace de todos os personagens com suas características mostradas ao longo da jornada de cada um. Embora não tenha sido de forma perfeita para os fãs que tiveram de lidar com importantes perdas, ao menos teve um final digno e seguro. 

terça-feira, 13 de setembro de 2016

[Contadores de Histórias] The Slayers BR Entrevista: ''Graziela'' Rosenberg


Olá?! Segue uma entrevista com a mais jovem colaboradora da nossa equipe:




v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v
v

Quem sou eu?


Meu nome é Graziella, nasci no ano de estréia do seriado (1997) em São Paulo. Tenho dois irmãos mais velhos: o Marcello e a Isabella. Atualmente faço curso pré-vestibular e desejo estudar audiovisual!



Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
2- Além do Buffyverse você curte outros seriados?


Eu e o meu irmão gostamos de assistir filmes e séries juntos, foi assim que vimos Buffy. Outro seriado que vimos e pelo qual me apaixonei foi The Walking Dead. Também gosto bastante de Dance Academy, um seriado australiano que se passa em uma escola de balé.



Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''

3- Na região onde você mora existem outras pessoas que compartilham o mesmo gosto que você tem pelo Buffyverse?




Somente meu irmão assistiu e tem tempo de discutir o buffyverse comigo. Entretanto falei para todas as pessoas possíveis sobre o seriado (risos)! Vamos ver se em breve mais pessoas compartilharam esse gosto!



Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
4- Inicialmente você se inseriu no Buffyverse através de Buffy, e quanto a serie Angel já acompanha alguma coisa? Comente!




Tenho vontade de assistir Angel, mas tenho preguiça de baixar. Meu irmão não quer ver então estou em um trabalho de convencimento. Se eu passar no vestibular esse ano assistirei a série (risos)!



Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
5- Comente um pouco sobre sua chegada à equipe e a última temporada do Portal The Slayers BR!


Num dos dias em que procurava conteúdos do buffyverse na internet acabei me deparando com o The Slayers, especificamente com a postagem "O Buffyverse e seus 7 pecados" escrita pela Flávia. Adorei, o texto era crítico e muito parecido com o que eu pensava. Depois que descobri que o site estava em atividade fiquei mais feliz. Então fui falar com o blog que me recebeu com muito carinho. Amei acompanhar a última temporada, adoro as postagens sobre dublagens e as analises críticas da série.


Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
6- Como se originou a idéia da seção ''cinco por cinco''?


Eu estava com muita vontade de fazer vídeos, mas não sabia de que modo. Sempre gostei desses vlogs que põe em ordem de preferência alguns aspectos dos filmes, livros e séries que amamos. Então pensei em uma forma que pudesse criar as minhas próprias listas e associar o título ao buffyverse.






Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
7- Mande uma mensagem aos internautas!


Amei participar do The Slayers! É muito legal encontrar atualmente gente disposta a discutir o buffyverse. Ainda tenho mais algumas postagens a fazer, espero que tenham gostado da minha participação!






Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
8- Como você conheceu o Buffyverse? E no que ele influenciou e ainda influencia na sua vida?


Sempre fui uma grande fã dos filmes live-action do Scooby-doo. Quando assisti era bem nova, minha família toda foi ao cinema, sempre comemorávamos quando passava no SBT...assistimos tanto que sabemos até a parte do filme em que entra o comercial (rs). O que quero dizer é que esses filmes tem um grande valor afetivo pra mim. E a Daphne do filme é a Sarah (rs). Quando passava Buffy na Rede Tv eu tinha 11 anos, vi as propagandas e quis assistir o "seriado da Daphne". Uma vez comecei a assistir, tenho quase certeza de que era o episódio "I Robot, you Jane", mas como eu sempre fui medrosa fiquei apavorada (rs). Achei que valia mais a pena brincar do que assistir esse programa do mal (rs). Foi só então em 2015, quando insistimos pro meu pai assinar o netflix, que eu, não sei porque, acabei pesquisando pelo seriado e o encontrei. Nunca imaginei que gostaria tanto dele.

É difícil dizer no que ele influenciou na minha vida. Acho que essas coisas a gente acaba absorvendo e nem percebe. Mas eu sei que, até agora, não parei de pensar no seriado. O que mais povoa a minha mente são as histórias relacionadas com o poder (Faith e Willow), perdão e a cultura do estupro...enfim, mil coisas, mas não consigo pontuar como a série mexeu comigo.



Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
9- Qual o momento que mais te marcou e por quê?


Foi a tentativa de estupro no episódio Seeing red. A primeira vez que assisti fiquei bem chocada, não esperava por aquilo. Acontece que eu decidi ignorar o fato por um tempo, mas depois tanta, tanta, tanta coisa passou pela minha cabeça...do porque ele continuou no seriado depois daquilo, tem o lance da alma, mas e aí? Depois pensei em quão genial o seriado foi, pois se analisarmos a trajetória do envolvimento de ambos ele sempre foi um abusador e tals...pensei em como estamos acostumados a achar belo essa "cultura do stalker" e que de certa forma o seriado foi genial em fazer isso...depois pensei em como outros personagens são machistas como o Xander e o Riley...A questão é que, já faz um ano que eu assisti a série e essa cena me faz pensar milhares de coisas até agora, por isso acho que ela foi a que mais me marcou...quando eu quero falar com alguém é geralmente sobre essa parte.


Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
10- Hoje, depois de quase 20 anos, você ainda acredita que o Buffyverse seja tão forte em meio aos fãs?


Eu acredito que sim. Não encontramos milhares de páginas na internet sobre o assunto, mas geralmente o que encontramos é bem detalhado e completo. Acho que o seriado marca algumas pessoas profundamente e essas pessoas não deixam que o seriado morra, mesmo depois de quase 20 anos. Com a disponibilidade no netflix novos fãs, como eu, continuam a surgir. Além disso, os quadrinhos são publicados até hoje, mostrando que tem muita gente que ainda se interessa por esse universo. 


Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
11- Sua família, o que pensa sobre o Buffyverse?


Eu sempre tive meus fanatismos (rs). Isso significa que minha família se acostumou a escutar minhas músicas pela casa, me ver assistindo filmes pela décima vez e me escutarem falar sobre o que gosto. Assisti primeiro a série junto ao meu irmão, que também gosta. No período em que assistíamos, lá pela quinta temporada, minha mãe entrou de férias e acabou assistindo com a gente. Claro que no começo ela fazia as caras de "que absurdo!" como faz em tudo que a gente assiste (rs), mas também logo ficou presa na trama como geralmente faz (rs). Resumindo, ela gosta (rs). Quando decidi assistir a série inteira na ordem pela segunda vez chamei minha irmã para assistir, ela viu até a sexta temporada e depois parou. Acho que ela gostou um pouco (rs). Meu pai nunca acompanhou, mas ele não reclama (rs). No geral eles gostam.


Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
12- E seus amigos, você fala com eles a despeito?


Falo, demais. Contei todos os spoilers (rs), mas antes pedi encarecidamente que assistissem. Até consegui convencer uma prima e dois amigos de diferentes grupos (rs), só que dois já pararam de assistir. É que eu tenho essa necessidade de falar a respeito (rs), mas tento dosar para não encher o saco (rs).


Matéria Especial da Seção ''Meus Pertences''
13- 7 - Pra terminar, episódio e personagem favorito?


Ai que difícil! São muitos episódios, muitos maravilhosos episódios. Entretanto, já que devo citar um, escolho "The Gift". A temporada 5 é a minha favorita, toda a história da Glória e da Dawn que foi inserida com mistério e maestria desde o início culminaram nesse episódio sensacional. As várias maneiras que eles encontraram de atingir a vilã, cada um a seu modo, a Willow super poderosa trazendo a sanidade da Tara, o Giles matando o Ben e o sacrifício da Buffy são ótimos. O amor entre irmãs e o discurso final são de partir o coração. A trilha também é divina. O episódio consegue ser emocionante e belo ao mesmo tempo.

O personagem preferido é a Willow mesmo (rs). Eu amo a trajetória dela na série. Ela é inteligente, engraçada, linda, poderosa e homossexual. Me identifico um pouco com ela porque na escola sempre fui cdf (rs). Aqueles momentos em que ela se sente "malandra" porque vigiou para uma menina fumar uma vez ou porque comeu banana fora da hora do intervalo são outros com que me identifico (rs). E ela cresce tanto, desde a menina apaixonada pelo Xander até a personagem incrível que ela se torna. Muito do que você explicou na sua postagem "Willow não mora mais aqui".



_________________________________________
Encerra-se aqui a entrevista com a Graziela! Esperam que tenham curtido e conhecido um pouco sobre a 3° componente dos Caçadores deste portal!!